Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo Notícias ::: Cristiano Ronaldo Biografia ::: Cristiano Ronaldo Fotos ::: Cristiano Ronaldo Vídeos
Cristiano Ronaldo Namoradas ::: Cristiano Ronaldo Estatísticas ::: Cristiano Ronaldo ao Vivo

 



Vôos baratos

Aluguer de carros
Troca de divisas

Hotéis em Madrid
Parceiros :: Acerca :: Contacto
Cristiano Ronaldo perfil e biografia
Home
News
Biography
Stats
Videos
Gallery
Girlfriends
Shop
Extra
Salary
F.A.Q.
Friends
Schedule
Forum
Live

Idiomas: Português »» Inglês »» Espanhol »» Italiano »» Árabe
»» Francês »» Indonésio »» Magiar

 

 


Cristiano Ronaldo Biografia em Português

Nome completo: Cristiano Ronaldo dos Santos Aveiro
Data de nascimento: 5 de Fevereiro de 1985
Local de nascimento: Funchal, Madeira - Portugal
Altura: 186 cm (1m 86cm)
Posição: Extremo direito/esquerdo; Avançado Centro
Primeiro clube profissional: Sporting Clube de Portugal
Estreia: 7 de Outubro de 2002, contra o Moreirense
Clube actual: Real Madrid (desde 2009)
Selecção: Portugal
Estreia pela Selecção: 20 de Agosto de 2003

 

Cristiano Ronaldo biografia 1985-2011

Cristiano Ronaldo é o filho de Maria Dolores dos Santos Aveiro (cozinheira) e José Dinis Aveiro (jardineiro Municipal). Muita gente aponta o facto das origens de Ronaldo serem muito humildes, como justificação para o seu sucesso na forma como lida com a fama e toda a atenção que recai sobre si. Cristiano Ronaldo é o mais novo de 4 filhos, sendo que tem 2 irmãs, Liliana Cátia e Elma, e um irmão, Hugo.

Cristiano Ronaldo com a família

Os primeiros passos dados por Cristiano Ronaldo no futebol, foram num clube amador da sua terra natal chamado Andorinha, quando ainda tinha 8 anos de idade. Um par de anos mais tarde, quando CR7 fez 10 anos, foi para o CD Nacional, um dos clubes mais conhecidos da ilha da Madeira. No entanto, não ficou por lá muito tempo e acabaria por rumar ao Sporting Clube de Portugal no ano a seguir (1996), onde se viria a afirmar como uma das grandes promessas do futebol português nos anos seguintes.

Cristiano Ronaldo Andorinha

Foi então evidente que o ano de 1996 representou um verdadeiro ponto de viragem na vida de Cristiano Ronaldo. Ao aceitar transferir-se para o Sporting CP, Ronaldo teve de deixar a família na ilha da Madeira e aprender a viver sozinho sem a ajuda directa de nenhum parente. CR7 começou por treinar com as camadas jovens nos primeiros anos e aos 16 anos, no ano de 2002, acabaria por fazer a sua estreia profissional na Primeira Liga Portuguesa, contra o Moreirense. Nesse jogo, Ronaldo marcou dois golos e captou imediatamente a atenção de muitos olheiros sobre si mesmo. A estreia a nível Europeu ocorreu pouco depois, aquando de uma eliminatória de qualificação para a Liga dos Campeões, frente ao poderoso Inter de Milão.

Cristiano Ronaldo Sporting

Com 17 anos de idade, Cristiano Ronaldo começou definitivamente a captar atenções por todo o Mundo e o seu nível exibicional ao serviço da Selecção Portuguesa no Campeonato da Europa de Sub-17 organizado pela UEFA, tornaram-no numa das maiores promessas do futebol mundial da época. Um vasto leque de clubes de topo, tais como o Liverpool e o Arsenal, destacaram alguns olheiros para essa competição e os treinadores Gérard Houllier (Liverpool) e Arsene Wenger (Arsenal) estiverem interessados na contratação de Cristiano Ronaldo. No entanto, foi revelado posteriormente que ambos os clubes estavam hesitantes em efectuarem uma grande aposta num jogador tão jovem. Quem não se fez rogado foi o Manchester United, que acabaria por acelerar os processos e contratar Ronaldo no decorrer da pré-época do ano de 2003.

Cristiano Ronaldo vs Manchester United

O momento decisivo no qual Cristiano Ronaldo acabaria por convencer um clube de topo a assinar com ele foi na pré-época da temporada de 2003-2004, num jogo amigável destinado a inaugurar o "Estádio Alvalade XXI" e que opunha o Sporting CP e o Manchester United. A equipa portuguesa acabaria por derrotar os ingleses por 3-1, mas quem brilhou mais nessa noite foi mesmo Cristiano Ronaldo. Rezam as crónicas que os jogadores do Manchester United ficaram de tal forma espantados com as capacidades técnicas e potencial demonstrado pelo craque português, ao ponto de pedirem treinador dos "Red Devils", Sir Alex Ferguson, para avançar com uma proposta para trazer Cristiano Ronaldo para Old Trafford. Pois bem, uns dias depois Cristiano Ronaldo foi transferido para o Manchester United, pela módica quantia de 15 milhões de euros (12,24 milhões de libras).

Cristiano Ronaldo estreia no Manchester United

A aventura de Cristiano Ronaldo por terras de "Sua Majestade" começou com uma estreia memorável pelo Manchester United, após ter iniciado o jogo no banco de suplentes e entrar em campo meia hora antes do final da partida no jogo contra o Bolton Wanderers. Muito provavelmente, esses 30 minutos ficarão gravados na memória de muitos fãs do Manchester United, uma vez que Cristiano Ronaldo maravilhou todos os presentes no estádio e conseguiu mesmo impressionar a tradicionalmente rigorosa imprensa Inglesa, com os seus dribles desconcertantes e correrias desenfreadas pela linha lateral. Ronaldo, que além de ser o primeiro jogador português da História a jogar pelo Manchester United, marcou também o seu primeiro golo ao serviço do clube através da cobrança de um livre directo, na vitória por 3-0 sobre o Portsmouth, em Novembro de 2003. No entanto, e apesar de vários jogos bastante promissores, as duas primeiras temporadas de Cristiano Ronaldo em Inglaterra, ao serviço do Manchester United, foram alvo de críticas muito variadas. Tanto foi elogiado pela capacidade técnica e habilidade demonstradas, como também foi criticado por não ser suficientemente consistente ao longo da época e de não ser capaz de decidir correctamente no desenvolvimento das jogadas. Algo que não deixa de ser natural num jovem jogador de 17 e 18 anos.

Cristiano Ronaldo no Manchester United

No ano de 2005, o Pai de Cristiano Ronaldo, José Dinis Aveiro, faleceu devido a uma doença no fígado, causada por problemas relacionados com o álcool. Ronaldo tinha 20 anos de idade e esse terá sido certamente um dos momentos mais complicados da sua vida. CR7 não mais consumiu bebidas com álcool desde então, devido ao que ocorreu com o seu Pai.

Pai do Cristiano Ronaldo, Dinis dos Santos Aveiro

Em relação à Selecção Portuguesa, Cristiano Ronaldo fez a sua estreia a nível sénior apenas algumas semanas depois de ter assinado contrato com o Manchester United, num jogo contra o Cazaquistão, em Agosto de 2003. O primeiro grande torneio jogado por CR7 foi o Euro 2004, organizado por Portugal. Ronaldo ajudou a sua Selecção a atingir a final, onde acabaria por ser derrotado pela surpreendente Grécia. As fotos de Cristiano Ronaldo em lágrimas após o final do jogo foram o espelho da alma de um País e essas imagens acabariam por correr o Mundo. Um par de anos mais tarde, no Campeonato do Mundo de 2006 disputado na Alemanha, Ronaldo foi envolvido numa grande polémica, após alegadamente ter pressionado e influenciado a decisão do árbitro no sentido de expulsar o seu colega de equipa do Manchester United, Wayne Rooney, no confronto dos quartos de final que opôs Portugal à Inglaterra. Cristiano Ronaldo acabou por ser o bode expiatório pela precoce eliminação da Selecção Inglesa no Campeonato do Mundo and o ódio do público Inglês perante Cristiano Ronaldo foi evidente em todos os estádios em que o Manhcester United jogou na época seguinte. Os adeptos Ingleses mostraram a Cristiano Ronaldo o quanto ficaram desiludidos com a eliminação no Campeonato do Mundo e com a polémica gerada pelo "piscar de olho" de CR7 e não pararam de insultar e assobiar o craque Português em todos os jogos efecutados fora de Old Trafford. A situação não terá sido fácil de gerir, e chegou-se mesmo a equacionar que Cristiano Ronaldo acabaria por deixar o Manchester United a curto prazo. No entanto, Sir Alex Ferguson convenceu Cristiano Ronaldo a ficar e para surpresa de todos, CR7 acabaria por fazer uma temporada excepcional na Primeira Liga Inglesa. Uma boa citação de Cristiano Ronaldo que mostra bem a forma como encarou as adversidades da altura foi a segunte: "Todos os assobios e insultos que recebo apenas me motivam a treinar mais e jogar melhor".

Cristiano Ronaldo manda calar adeptos

Em 2007, Cristiano Ronaldo ganhou o prémio de Melhor Jogador da Liga Inglesa e Melhor Jogador Jovem, além de também ter sido votado para o Futebolista do Ano, pela Associação de Jornalistas Desportivos. Nesse mesmo ano e pela primeira vez, Ronaldo também alcançou o pódio dos 3 finalistas para o prémio da FIFA de Melhor Jogador Mundial do Ano, e Melhor Jogador Europeu do Ano. Cristiano Ronaldo continuaria a exibir-se ao mais alto nível na época de 2007-2008, acabando por marcar 42 golos, considerando todas as competições (31 na Primeira Liga Inglesa), permitindo-lhe ser novamente votado para Melhor Jogador da Liga Inglesa e para Futebolista do Ano. A melhoria das performances de CR7 contribuíram para o sucesso do Manchester United, que arrecadaria nesse mesmo ano dois importantes títulos, a Liga Inglesa e a Liga dos Campeões, na qual Ronaldo marcou um golo na final, após um golpe de cabeça fantástico, deixando Petr Cech pregado ao chão.

Cabeçada de Cristiano Ronaldo vs Chelsea na final da Liga dos Campeões

O ano de 2008 pode definitivamente ser considerado como o ano de glória de Cristiano Ronaldo ao serviço do Manchester United. Isto porque, após CR7 vencer a Liga dos Campeões, receberia também o troféu da FIFA de Melhor Jogador do Ano (2008) e Melhor Jogador Europeu do Ano (2008). Na época de 2008-2009, Cristiano Ronaldo marcou mais 26 golos, que ajudariam o Manchester United a vencer novamente a Liga Inglesa e a alcançar a final da Liga dos Campeões frente ao Barcelona, mas que acabaram por perder por 0-2.

Cristiano Ronaldo Melhor Jogador do Ano para a FIFA em 2008

Em 2009, Cristiano Ronaldo bateu outro record ao tornar-se a transferência mais cara de sempre de um jogador de futebol, após ser transferido do Manchester United para o Real Madrid, em Julho de 2009, pela quantia de 80 milhões de libras (cerca de 94 milhões de euros ou 132 milhões de dólares americanos). Foi certamente um momento histórico e mais de 80 000 fãs de futebol em directo receberam e aclamaram Cristiano Ronaldo no estádio Santiago Bernabéu, durante a sua apresentação oficial. A carreira de Ronaldo no Real Madrid começou em alta e apontou bastantes golos nos seus primeiros jogos, tendo apenas interrompido a veia goleadora aquando da sua primeira lesão em Outubro de 2009. No entanto, CR7 recuperaria a forma uns meses depois e ainda foi capaz de acabar a época com 33 golos marcados ao serviço do Real Madrid, o que, ainda assim, não foi suficiente para ajudar o clube a vencer qualquer troféu na época de 2009-2010.

Apresentação de Cristiano Ronaldo no Santiago Bernabeu

No que toca à Selecção Portuguesa, Cristiano Ronaldo capitaneou Portugal no Mundial da FIFA em 2010, disputado na África do Sul. No entanto, os "Lusitanos" foram eliminados nos oitavos de final, contra a futura selecção campeã do Mundo, a Espanha, por um resultado tagencial de 1-0.

Cristiano Ronaldo no Campeonato do Mundo de 2010 da África do Sul

No dia 3 de Julho de 2010, Cristiano Ronaldo anunciou na sua página oficial do facebook que já era Pai. Essa informação chocou muitos fãs pelo Mundo fora, uma vez que ainda paira muito mistério sobre quem é a Mãe do filho de Cristiano Ronaldo. CR7 pediu privacidade sobre o assunto e deu o seu próprio nome ao seu filho, Cristiano Ronaldo Júnior. A criança está actualmente sob a custódia completa de Ronaldo, que tem sido ajudado pela sua Mãe e irmãs.

Filho de Cristiano Ronaldo

Na temporada de 2010-2011, Cristiano Ronaldo teve um desempenho individual extraordinário, batendo vários records não apenas a nível interno do Real Madrid, mas também a nível da Liga Espanhola. Certamente um dos mais impressionantes, foi Ronaldo ter marcado 41 golos na Liga Espanhola, deixando para trás as marcas de Hugo Sanchez e Telmo Zarra, ambos com 38 golos. CR7 marcou um total de 54 golos e uma vez mais venceu o troféu de Bota de Ouro, à frente de Lionel Messi que acabou a temporada com 53 golos. No entanto, nem tudo foi perfeito, e a nível colectivo, o Real Madrid foi apenas capaz de vencer a Taça do Rei, tendo falhado a conquista do título Espanhol e da Liga dos Campeões.

Cristiano Ronaldo segura troféu da Taça do Rei

Esta página será actualizada no final de cada temporada, com toda a informação relevante sobre o Cristiano Ronaldo para a sua biografia e história de vida.





comments powered by Disqus

Soccer Box

Visitas:
Utilizadores em linha: